Renda Cidadã 2020

A maior parte das pessoas conhecem o programa do governo federal, Bolsa Família. Pensando também em contribuir para os paulistas, o governo do Estado de São Paulo criou o programa Renda Cidadã, que transfere renda para aqueles mais pobres e necessitados. O auxílio social Renda Cidadã 2020 de São Paulo ajuda famílias consideradas pobres e extremamente pobres que moram no Estado e que necessitam dessa ajuda do governo para se sustentarem e darem o melhor para os seus filhos e membros da família em geral.

Renda Cidadã 2020
Renda Cidadã 2020

Renda Cidadã 2020

Alguns estados consideravam o auxílio do Bolsa Família muito pouco. Por isso, criaram programas de transferência de renda locais, como é o caso do Renda Cidadã 2020.

Com essa transferência de renda para os cidadãos carentes do Estado, as famílias têm mais condições de ter melhores acessos a:

  • Alimentação;
  • Moradia;
  • Transporte;
  • Entretenimento;
  • Saúde;
  • Educação e;
  • Muito mais.
Renda Cidadã
Renda Cidadã

No entanto, nem todos os grupos familiares do estado tem direito a receber o benefício, o mesmo é destinado somente para aqueles que realmente tem necessidade.


Quem tem direito

Não são todas as pessoas que podem garantir o recebimento da Renda Cidadã.

É preciso primeiramente que:

  • O interessado em participar do programa seja do Estado de São Paulo;
  • Receba até um quarto do salário mínimo e;
  • O responsável pelo grupo familiar seja inscrito no Cadastro Único.

O programa foi criado para que realmente pessoas que precisem sejam atendidas pelo Renda Cidadã. Para quem realmente necessita receber um auxílio para melhorar suas condições de moradia e dar melhores condições também para seus filhos.

Além dos requisitos, há também preferência no momento da seleção dos participantes, priorizando:

  • Famílias indígenas;
  • Famílias ciganas;
  • Famílias que tenham mulher como chefe;
  • Famílias extrativistas;
  • Famílias com crianças de 3 até 6 anos de idade;
  • Famílias que tenham como membros idosos;
  • Famílias que tenham como membros deficientes;
  • Famílias ribeirinhas.
Quem tem direito
Quem tem direito

Como se inscrever no Renda Cidadã 2020

Se você se encaixa no perfil do programa Renda Cidadã 2020, então pode participar fazendo a sua inscrição. Infelizmente não tem como ainda fazer inscrição pela internet ou mesmo marcar um agendamento para fazer isto.

É preciso que a família interessada procure o CRAS – Centro de Referência de Assistência Social – da sua cidade ou região. Pode também buscar informações sobre a inscrição na Renda Cidadã na prefeitura do seu município.

Como se inscrever no Renda Cidadã 2020
Como se inscrever no Renda Cidadã 2020

Documentos Necessários

No momento de realização da inscrição, é preciso que o interessado leve todos os documentos das famílias e comprovantes como:

  • Documento de identidade de todos os membros da família;
  • CPF;
  • Comprovante de residência;
  • Comprovante de renda;
  • Cartão de vacinação em dia das crianças;
  • Comprovante de matrícula e frequência das crianças e adolescentes.

O programa Renda Cidadã oferece ajuda por três anos aos seus segurados, sem prorrogação. Depois da inscrição, basta aguardar a sua aprovação pelo governo estadual.


Valor do Renda Cidadã

O valor do Renda Cidadã varia de acordo com as condições de cada família. Os valores variam entre R$ 80 a R$ 160 reais. O valor parece ser pequeno, mas com essa renda extra a família consegue melhorar suas condições de precariedade.

Vale a pena ressaltar que o Renda Cidadã prioriza famílias que:

  • Possuem pessoas com deficiência;
  • Idosos e;
  • Pessoas com doenças crônicas grave.

A validade do benefício é por 3 anos e a família não poderá participar de outros programas sociais, como o Bolsa Família. Quase 100 mil famílias são ou já foram beneficiadas pelo programa em São Paulo.


Cartão Renda Cidadã

Os pagamentos do Renda Cidadã 2020 acontecem mensalmente e os saques podem ser feitos através do Cartão Renda Cidadã, que a família recebe quando é aprovada no programa. A maior parte das famílias podem fazer saques mensais por até 36 meses, ou seja, a um prazo limite para o programa ser finalizado.

Cartão Renda Cidadã
Cartão Renda Cidadã
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (No Ratings Yet)
Loading...

Calendário PASEP 2020

O abono salarial é um dos benefícios mais importantes tanto para os trabalhadores do setor público quanto para os do setor privado. Trata-se de uma renda extra paga todos os anos, de acordo com o número do NIS do servidor público, no valor de 1 salário mínimo. Esse benefício é pago aos servidores públicos através do PASEP – e não do PIS, afinal o PIS é direcionado aos trabalhadores do setor privado, enquanto que o PASEP é direcionado aos trabalhadores do setor público. Até mesmo as datas de pagamento de ambos os benefícios são diferentes: os servidores públicos recebem o pagamento do abono salarial de acordo com o calendário PASEP 2020, enquanto que os trabalhadores privados recebem o abono salarial e acordo com o calendário do PIS.

Calendário PASEP 2020
Calendário PASEP 2020

Outra grande diferença entre o PIS e o PASEP é a maneira que os benefícios são pagos: o PIS é sacado na Caixa econômica federal, o banco responsável por esse benefício, enquanto que o PASEP é pago pelo Banco do Brasil.

Da mesma forma que o PIS, o PASEP é financiado por recursos do FAT, que tem origem na contribuição do PIS-COFINS.

Diferença entre PIS e PASEP

O PASEP é um direito do trabalhador de empresa pública, sendo ele concursado, para ter direito a ele é necessário seguir alguns requisitos. O seu saque é feito através da Agência do Banco do Brasil.

Já o PIS é um direito do trabalhador privado, da mesma maneira que o PASEP você deve seguir os requisitos para ter direito a ele. O saque do PIS é feito pela Agência da Caixa Econômica Federal.

Diferença entre PIS e PASEP
Diferença entre PIS e PASEP

Tabela PASEP 2020

As datas de pagamentos da Tabela do PASEP são estipuladas para cada trabalhador de acordo com o último dígito do seu número de integração Social.  Você pode consultar as datas de pagamento no portal do Banco do Brasil, na área dos servidores públicos e conferir o calendário PASEP 2020.

O saque do benefício pode ser feito direto em uma agência do branco do Brasil, estando-se no prazo de pagamento do benefício, ou pode ser feito direito em conta, caso o servidor possua conta corrente nesse banco. Existe ainda uma terceira opção, que é de receber o PASEP na folha de pagamento, quando o órgão ou repartição em que o servidor trabalha tiver parceria firmada com o Banco do Brasil.


Calendário PASEP 2020

Confira a seguir o calendário com as datas de saque do abono salarial do PASEP 2020. O que define a data que cada servidor recebe o seu benefício é, nesse caso, o último dígito do seu NIS.

Calendário de pagamentos do BB-PASEP 2019/2020
Confira quando sacar o seu PASEP
Final do PASEP: Podem Sacar em: Podem sacar até:
0 25/07/2019 30/06/2020
1 15/08/2019 30/06/2020
2 19/092019 30/06/2020
3 17/10/2019 30/06/2020
4 14/11/2019 30/06/2020
5 16/01/2020 30/06/2020
6 e 7 13/02/2020 30/06/2020
8 e 9 19/03/2020 30/06/2020

Quem tem direito ao PASEP 2020

O Programa de Formação do Patrimônio o Servidor Público é um benefício que funciona, na prática como um décimo quarto salário, pago uma vez por ano de acordo com as datas do calendário PASEP 2020, mencionado acima.

Ele é pago aos servidores que recebem os menores salários (até 2 salários mínimos mensais), que possuam cadastro no PASEP há 5 anos ou mais, e que tenham servido por pelo menos 30 dias no ano anterior com carteira assinada, legalizado mediante ao ministério do Trabalho e Emprego. Dessa forma, estão habilitados a receber o PASEP todos que se enquadrarem nas regras a seguir:

  • Forem servidores públicos;
  • Cadastrados no PASEP há 5 anos ou mais;
  • Receberem até 2 salários mínimos por mês;
  • Tenha trabalhado por pelo menos 30 dias no ano anterior para o serviço público com carteira assinada;
  • Tenham sido informados na relação de funcionários entregue ao Ministério do Trabalho (RAIS).

Valor do PASEP 2020

Assim como o PIS, o cálculo do PASEP é feito de acordo com o tempo de trabalho do empregado. Sendo o valor total equivalente a um salário mínimo.

Na tabela abaixo você poderá entender melhor como funciona:

Meses trabalhados (dias) Valor Abono
1 (30 a 44) R$ 84,00
2 (45 a 74) R$ 167,00
3 (75 a 104) R$ 250,00
4 (105 a 134) R$ 333,00
5 (135 a 164) R$ 416,00
6 (165 a 194) R$ 499,00
7 (195 a 224) R$ 583,00
8 (225 a 254) R$ 666,00
9 (255 a 284) R$ 749,00
10 (285 a 314) R$ 832,00
11 (315 a 344) R$ 915,00
12 (345 a 365) R$ 998,00

Consulta PASEP

O PASEP pode ser consultado de três diferentes maneiras fáceis e simples, sendo elas:

  • Pelo telefone;
  • Em agências e;
  • Online.

Assim, você pode escolher a que melhor atende você.

No site do Banco do Brasil você pode consultar o PASEP e obter informações sobre o benefício, para isso basta que você realize um cadastro. Acesse: http://www.bb.com.br/.

Você pode também comparecer a qualquer agência do Banco do Brasil com seus documentos pessoais e assim, realizar a consulta, ou ainda, pode ligar para a central de atendimento pelo 4004 0001 ou 0800 729 0001, para que o atendimento seja mais rápido tenha em mãos os seus documentos de identificação e o número PASEP.


Como Sacar o PASEP

Para sacar o seu benefício é necessário ir até uma agência do Banco do Brasil com seus documentos, mas você só conseguirá retirar o valor caso o mesmo esteja no prazo definido para saque.

É muito importante que você fique atento ao Calendário de Pagamento PASEP, pois é através dele que você saberá quando seu benefício estará disponível para saque. Caso você não saque o benefício no prazo determinado, o valor será encaminhado para o FAT – Fundo de Amparo ao Trabalhador e você não terá mais direito a ele, sendo o mesmo usado para outros benefícios e programa sociais.

Como Sacar o PASEP
Como Sacar o PASEP

Consulta Número do PASEP

Se você não tiver o numero do PASEP pode obtê-lo através dos seguintes documentos:

  • Cartão Cidadão Caixa;
  • Carteira de Trabalho.

Caso não possua acesso a esses documentos, é possível consultar o número do PASEP através da internet. Para isso, siga o passo a passo abaixo:

  • Entre no site do CNIS – Cadastro Nacional de Informações Sociais;
  • Na parte superior, selecione a opção “Inscrição”;
  • Clique em “Filiado”;
  • Primeiramente digite todos campos do quadro “Dados básicos”;
  • Informe pelo menos um dos “Documentos complementares”;
  • Em seguida, digite o código de segurança da imagem;
  • Por fim, clique no botão “Continuar”.
Consulta Número do PASEP
Consulta Número do PASEP
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...

PASEP 2020

O PASEP 2020 é um benefício voltado para os servidores de órgãos públicos. Trata-se de um dos benefícios mais importante do País, assim também como um dos mais aguardados. Isto porque este dinheiro é um grande auxílio para as famílias que estão precisando de um extra no fim de ano. Portanto, é preciso que fique atento a todas informações sobre este benefício, para que não perca seu prazo de recebimento. Então, quer ficar por dentro de todas as informações sobre o PASEP 2020? Leia o artigo abaixo.

PASEP 2020
PASEP 2020

Calendário do PASEP 2020

O calendário do PASEP é um documento que todos devem prestar a atenção. Isto porque é por meio deles que os beneficiários ficaram sabendo corretamente a data de pagamento do seu benefício. Sendo assim, recomenda-se que você imprima o calendário e coloque em um lugar visível para que não perca o prazo. Como provavelmente deve saber, passado o prazo de saque, não há como resgatar o benefício.

O calendário do PASEP 2020 ainda não está disponível. Como o pagamento do benefício para o ano de 2019 ainda está em andamento, eles estão esperando acabando essa atividade para divulgar as novas datas de pagamento do PASEP para 2020. Mas, provavelmente, o pagamento começará no mês de julho.

Calendário de pagamentos do BB-PASEP 2019/2020
Confira quando sacar o seu PASEP
Final do PASEP: Podem Sacar em: Podem sacar até:
0 25/07/2019 30/06/2020
1 15/08/2019 30/06/2020
2 19/092019 30/06/2020
3 17/10/2019 30/06/2020
4 14/11/2019 30/06/2020
5 16/01/2020 30/06/2020
6 e 7 13/02/2020 30/06/2020
8 e 9 19/03/2020 30/06/2020

Quem tem direito ao PASEP 2020

As datas de pagamento do abono salarial 2020 PASEP é definido de acordo com o dígito final do número de inscrição social, também conhecido como NIS. Esta medida foi tomada para não tumultuar as agências bancárias liberando o pagamento de todos os beneficiários num dia só.

Não são todas as pessoas que possuem direito ao PASEP 2020. É necessário que seu perfil seja enquadrado em algumas regras definidas pelo Ministério do Trabalho juntamente com o Banco do Brasil, entidade financeira responsável por este benefício. É preciso que o trabalhador:

  • Tenha sido matriculado no PASEP por, no mínimo, 5 anos;
  • Não ter tido uma renda mensal maior que o valor de dois salários mínimos, no caso, R$1760;
  • E também ter trabalhado por, no mínimo, 30 dias consecutivos ou não com carteira de trabalho assinada.

Verificou que obedece a todos estes requisitos acima? Então, você tem direito ao PASEP 2020.


Novas Regras do PASEP

Em 2015, o PASEP começou a seguir as novas regras impostas pelo Ministério do Trabalho. De acordo com a regra antiga, se o trabalhador de enquadrasse nos requisitos do programa receberia um salário mínimo.

Segundo a regra nova, o benefício será proporcional ao tempo de trabalho do empregado do setor público. Ou seja, o trabalhador só receberá um salário mínimo cheio se trabalhar durante o ano todo. Cada 30 dias de carteira assina dão direito a 1/12 do valor do salário mínimo atual.

Novas Regras do PASEP
Novas Regras do PASEP

Valor do PASEP 2020

O PIS 2020 possui algumas similaridades com PASEP 2020, uma delas é o valor. O valor do PASEP também é definido de acordo com a cotação atual do salário mínimo. O Governo Federal ainda não divulgou nenhuma informação sobre a alteração no valor do salário mínimo para 2020. Isto deve acontecer em meados do final de dezembro ou início de 2020. Em 2019, o valor do PASEP foi estipulado em R$ 998,00.

Confira abaixo a última tabela divulgada para que possa compreender:

Meses trabalhados (dias) Valor Abono
1 (30 a 44) R$ 84,00
2 (45 a 74) R$ 167,00
3 (75 a 104) R$ 250,00
4 (105 a 134) R$ 333,00
5 (135 a 164) R$ 416,00
6 (165 a 194) R$ 499,00
7 (195 a 224) R$ 583,00
8 (225 a 254) R$ 666,00
9 (255 a 284) R$ 749,00
10 (285 a 314) R$ 832,00
11 (315 a 344) R$ 915,00
12 (345 a 365) R$ 998,00

Como Sacar o PASEP 2020

Como a entidade financeira responsável pelo PASEP é o Banco do Brasil, seu saque só pode ser feito em suas dependências. Outra alternativa é sacar o benefício nos Correios, correspondente bancário do BB. Para sacar o seu PASEP, é necessário portar:

  • Um documento de identificação com foto e;
  • Um documento com o seu número do PIS – por exemplo, a carteira de trabalho do servidor público.
Como Sacar o PASEP 2020
Como Sacar o PASEP 2020

Consultar PASEP pela Internet

De acordo com o calendário de pagamento, o trabalhador pode consultar o PASEP e verificar se o pagamento foi feito. Para isso, basta que você consulte o extrato do benefício.

Esse procedimento pode ser feito tanto em Caixas Eletrônicos, como em Agências do Banco do Brasil. Se você preferir, é possível ainda consultar pela internet. Veja como:

  • Acesse o Portal do PASEP do BB, clicando aqui;
  • Selecione a opção “Consulte seu PASEP”;

    Consultar PASEP pela Internet
    Consultar PASEP pela Internet
  • Digite as informações necessárias, como CPF e data de nascimento;
  • Selecione a caixa “Não sou um robô”;
  • Por fim, clique em “Confirmar”.
    Consultar número do PASEP
    Consultar número do PASEP

Cadastro de Entidades Públicas no PASEP

Se a entidade pública deseja se cadastrar e solicitar o vínculo com o PASEP 2020 será necessário emitir uma carta por escrito e entregar em uma agência do Banco do Brasil. Nesta carta, é necessário conter os seguintes dados:

  • Nome da razão social;
  • Número do CNPJ;
  • Endereço da entidade pública com número, CEP e telefone;
  • Data do início das atividades de trabalho.

Como é feito o Cadastramento dos Servidores?

Na primeira admissão do servidor público o seu cadastro é feito. O cadastro é feito somente uma vez, para evitar duplicidade de informações. Por isso também, há necessidade de o contratante verificar as informações da Carteira de Trabalho – CTPS do funcionário.

Por meio do Comprovante de Inscrição o Extrato do Participante pode-se saber se o funcionário é cadastrado no programa ou não. Caso não seja, você deverá efetuar o cadastro.

Exige-se que a entidade pública entregue todos os formulários de inscrição ao Banco do Brasil até o dia 20 de janeiro do ano vigente, para que assim, não haja nenhum atraso.

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1 votes, average: 5,00 out of 5)
Loading...